Dossier Escândalos Lisboa criar PDF versão para impressão
07-Dez-2006
ACTUAL MAIORIA NA CML LOTEOU TERRENO CONTRA PEDIDO DO GOVERNO
Câmara de LisboaA gestão da actual maioria da Câmara Municipal de Lisboa tem estado constantemente envolta em polémica em pouco mais de um ano de mandato. Neste
dossier damos conta da rotura da coligação entre PSD e CDS/PP e de diversos escândalos que foram notícia, só em alguns casos as situações foram entretanto ultrapassadas. A destruição do Convento dos Inglesinhos, a venda de terrenos do Vale de Santo António sem plano de urbanização, os prémios indevidos a administradores da EPUL e associadas, os contratos vitalícios de directores da EPUL, as comissões indevidas recebidas em três concursos públicos lançados pela EPUL, os oito milhões de euros pagos pelos acessos ao novo estádio da Luz não autorizados pelos órgãos camarários, a isenção do pagamento de 600 mil euros ao promotor imobiliário num empreendimento na Av. Infante Santo, a derrapagem nos prazos e no orçamento do túnel do Marquês, o loteamento na Azinhaga da Salgada em Marvila contra o pedido do ministro das obras públicas. Dossier elaborado com a colaboração de Catarina Oliveira.
 
< Artigo anterior
tit_todosdosiers.png
© 2019 Esquerda.Net
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.