Perguntas a Miguel Vale de Almeida criar PDF versão para impressão
26-Jul-2009

Bruno MaiaNa política a clareza das ideias é o que marca a diferença. Miguel Vale de Almeida é um dos rostos do movimento LGBT em Portugal e sempre se apresentou com ideias fortes e claras. Será deputado do grupo parlamentar do PS e por isso deve assumir compromissos claros. Deixo aqui algumas questões pertinentes para clarificarmos o que significa a sua candidatura:

1 - Enquanto deputado do grupo parlamentar do PS, o que defende Miguel Vale de Almeida, a legalização do casamento homossexual por si só ou a legalização do casamento e da adopção e o reconhecimento da parentalidade LGBT?

2 - Quando existirem na Assembleia da República dois projectos-lei, um do PS que permite o casamento homossexual mas que introduz uma nova discriminação na lei, proibindo a adopção e outro do Bloco que permite o casamento e a adopção, como vai votar o futuro deputado do grupo parlamentar do PS? Vai votar contra a sua bancada, pelo projecto do Bloco e em coerência com o seu activismo ou vai alinhar com os seus companheiros de PS?

É que Augusto Santos Silva já deixou claro o que pensa o PS da adopção...

3 - Quando o Bloco voltar a apresentar uma proposta para acabar com a discriminação de homossexuais na doação de sangue, como vai votar Miguel Vale de Almeida? Ao lado do Bloco e em coerência com o que tem defendido até aqui ou ao lado do seus companheiros de bancada, contra o fim desta discriminação?

Não nos esqueçamos que o PS votou contra o projecto que punha fim a esta discriminação e que o actual ministério da saúde reconheceu recentemente que as regras da doação de sangue são para continuar - afinal o ministério é de Ana Jorge, companheira de Miguel Vale de Almeida nas listas do PS.

4 - Se o Bloco voltar a apresentar um projecto em que inclua a perseguição homofóbica como razão para se atribuir asilo político, como vai votar Miguel Vale de Almeida? Ao lado da sua bancada - contra este projecto - e contra o seu discurso enquanto activista ou ao lado do Bloco e em coerência com o que tem defendido?

O PS votou nesta legislatura em bloco contra este projecto e não demonstrou vontade de mudar de ideias.

5 - E como vai votar o futuro deputado do grupo parlamentar do PS em relação a todas as medidas anti-sociais que o Governo vai fazer passar na próxima legislatura, tal como o fez nesta que acaba? Em coerência com o que pensa ou ao lado do seu grupo parlamentar?

Em política assumimos compromissos claros e Miguel Vale de Almeida terá que o fazer. Só ficamos sem perceber as razões para votar no Miguel Vale de Almeida das listas do PS - passo a explicar: se estivermos a votar no Miguel Vale de Almeida coerente com o seu passado, vamos votar em alguém que a cada um destes momento votará contra a bancada pela qual agora concorre e ao lado do Bloco (qual será o sentido de votar PS, então?); se estivermos a votar no Miguel Vale de Almeida obediente à sua bancada, vamos votar em alguém que continuará a promover leis e práticas discriminatórias...

É claro que também podemos achar que o PS muda a sua opinião em relação à adopção, ao sangue e ao asilo político agora que tem Miguel Vale de Almeida... Mas não nos esqueçamos que isso não estará no seu programa de governo e que este foi o argumento para, recentemente, o PS ter chumbado o projecto-lei do Bloco que previa a legalização do casamento homossexual.

Bruno Maia

{easycomments}

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
© 2019 Esquerda.Net
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.