Aumento de IRS antecipado 1 mês criar PDF versão para impressão
20-Mai-2010
Aumento do IRS apanha os subsídios de fériasAntecipação para 1 de Junho, anunciada pelo próprio Sócrates, vai fazer com que o aumento do IRS incida sobre a maior parte dos subsídios de férias do sector privado e das Administrações Públicas.

A taxa agravada de 1% a 1,5% do IRS vai entrar em vigor um mês mais cedo do que o previsto, a 1 de Junho.

Assim, ela já vai incidir sobre a maior parte dos subsídios de férias no sector privado e a totalidade do subsídio pago aos cerca de 675 mil funcionários das Administrações Públicas, recebidos em Junho.

O anúncio da antecipação foi dado pelo próprio primeiro-ministro, a pretexto de esclarecer uma notícia que afirmava que o imposto extraordinário seria cobrado retroactivamente sobre todos os rendimentos de 2010.

"Não, não há retroactividade", disse Sócrates. "É um imposto adicional e extraordinário que será cobrado a partir de 1 de Junho".

Ora o calendário inicial apontava para a cobrança apenas no segundo semestre de 2010. A 13 de Maio, o Ministério das Finanças anunciou: "Estima-se que as medidas entrem em vigor a 1 de Julho."

Para serem aplicadas um mês antes, o Parlamento e o Presidente da República terão de acelerar a aprovação e promulgação das medidas.

O deputado bloquista José Gusmão afirmou na quarta-feira que o Bloco de Esquerda não desistiu de impedir os agravamentos do IRS: "Não desistimos de impedir que estas medidas, que são medidas injustas, sejam aplicadas e só numa fase posterior é que discutiremos aspectos da sua aplicação, porque não estamos de acordo com elas de princípio", disse à Lusa.

{easycomments}

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
Últimas Internacional
Últimas Sociedade
tit_esquerda.png
Esquerda 40: Não tem que ser assim
Leia aqui o jornal "Esquerda"
Clique na imagem para aceder ao Esquerda 40 em pdf
Outros números do jornal Esquerda
Assinatura do Jornal Esquerda
Boletim Económico
Participe
Dois anos de Esquerda.Net
Deveria haver um bom motor de busca
[Continuamos a publicar os depoimentos dos leitores]
Visito o Esquerda.net 1 a 2 vezes por semana. Leio sobretudo notícias pouco ou nada cobertas pela imprensa corrente, artigos de opinião de alguns nomes que me interessam mais, às vezes os Sons da terra e podcasts sobre eventos do BE ou entrevistas, dependendo do tema.
A minha proposta é para todos os sites do BE: deveria haver um bom motor de busca (o do próprio software é muito débil e induz em erro) que permita pesquisas simples ou mais avançadas (booleanas, palavras adjacentes, por exemplo). O Copernic é um bom motor, freeware e creio que poderá ser usado como add-on neste software. É preciso testar e ver o resultado. À medida que crescer o fundo de notícias, precisamos cada vez mais de explorar a totalidade, retrospectivamente e, idealmente, independentemente do tipo de ficheiro que as suporte (texto, imagem, som). Seria um bom recurso de formação e difusão.

Paula Sequeiros, BE Porto



Educação em Debate
© 2017 Esquerda.Net
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.