Educação sexual a sério, para quando? criar PDF versão para impressão
16-Mar-2007
daniel-sampaio_1O Governo do Partido Socialista decidiu criar um grupo de trabalho sobre educação sexual, coordenado pelo psiquiatra Daniel Sampaio. As conclusões finais só serão publicadas no dia 1 de Setembro de 2007, mas para já o documento produzido refere necessidade de uma área curricular não disciplinar de Educação para a Saúde. Nas jornadas parlamentares do Bloco de Esquerda, alguns participantes manifestaram o seu receio em relação à possível diluição da educação sexual noutras áreas temáticas, correndo-se o risco da desresponsabilização e das estratégias de evitação. Numa pergunta a Daniel Sampaio, a deputada Helena Pinto adiantou os contornos globais da proposta que o Grupo parlamentar do Bloco de Esquerda se prepara para apresentar: a criação de uma disciplina de educação sexual, obrigatória, no 5º, 7º e 10º anos, combinada com projectos não disciplinares e gabinetes de apoio nas escolas.

Veja o vídeo da intervenção de Daniel Sampaio, explicando o que será a proposta do governo
Veja o vídeo com as perguntas de Helena Pinto e Berta Alves, e com a resposta de Daniel Sampaio.




 
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
tit_todosdosiers.png
© 2020 Esquerda.Net
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.