Arte e Cultura criar PDF versão para impressão
24-Ago-2007

o_bando.jpgOs grandes movimentos políticos nunca andaram de costas voltadas para a literatura, a música ou a cultura. No Socialismo 2007, Vera San Payo Lemos fala-nos do dramaturgo, poeta e encenador alemão Bertolt Brecht. Do século XX para o século XIX, oportunidade também para conhecermos melhor esse grande dramaturgo, escritor e poeta irlandês Oscar Wilde. Mariana Avelãs fala-nos deste expoente da literatura, que sofreu enormes problemas por não se encaixar na norma heterossexual, sendo preso e humilhado perante a sociedade.
Da literatura europeia para a literatura africana: Marta Lança fala-nos de uma escrita que tem África como motivo da sua mensagem ao mundo.

Em "Outros tempos hão-de vir" Pedro Rodrigues fala-nos das ligações fortes entre a música e a política ; e o encenador João Brites aborda os processos de dinamização cultural com "O Processo Colectivo e a Obra Singular".

Textos de apoio:

Entrevista a João Brites

QUE ÁFRICA ESCREVE O ESCRITOR AFRICANO?, de Mia Couto

O autor como produtor, Walter Benjamin escreve sobre Brecht

Notas sobre a ópera, "Ascensão e queda da cidade de Mahagonny", de Bertolt Brecht

Oscar Wilde: A Importância de Ser Socialista , de Mariana Avelãs

 

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
tit_todosdosiers.png
© 2019 Esquerda.Net
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.