Dossier África - União Europeia criar PDF versão para impressão
07-Dez-2007
Panteão nacional em Windhoek, Namibia. Foto de Carlos Oliveira Reis
A paz, a imigração e o desenvolvimento são os principais temas da agenda oficial da cimeira União Europeia-África. Mas escondem o que verdadeiramente está em causa: os novos Acordos de Parceria Económica - desfavoráveis aos países africanos - e as políticas restritivas sobre imigração. Com este dossier, o Esquerda.net mostra algumas das agendas escondidas e dos assuntos que se quer evitar. Abrimos o dossier com o "triunfo do pós-colonialismo", um texto de Gérard Prunier, sobre o teor dos acordos comercias que a União Europeia tentará impor ao continente africano. Em "O direito à alimentação", Dafne Melo esclarece que a produção agrícola deve ser tratada não como mercadoria, mas sim como um direito humano. Sobre emigração e fronteiras, leia a entrevista de Emmanuel Blanchard. E porque Mugabe não pode ser a árvore que esconde a floresta, Mamadou Ba faz-nos um retrato do que está em causa nesta cimeira, onde outros ditadores e violadores dos direitos humanos estarão presentes. Em Darfur, o genocídio continua, e o povo saraui não estará presente porque Marrocos se recusa a aceitar a sua auto-determinação, como mostra Eduardo Galeano. Finalmente Anne-Cécile Robert fala-nos de resistências, em "África sonha com a segunda independência".
 
< Artigo anterior
tit_todosdosiers.png
© 2020 Esquerda.Net
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.