Segundo Congresso Feminista e da Educação criar PDF versão para impressão
24-Jun-2008

Notícia do 2º. Congresso feminista O 2º Congresso Feminista, intitulado, tal como o 1º em 1924, "Congresso Feminista e da Educação", decorreu em Lisboa, durante cinco dias, no mês de Junho de 1928.

Artigo escrito por Fina d'Armada (Historiadora), disponível no site do Congresso Feminista 2008

A abertura aconteceu no dia 24, um domingo, pelas 15 horas. Nos dias seguintes, de segunda a quinta-feira, dias 25, 26, 27 e 28, os trabalhos do 2º Congresso Feminista e da Educação efectuaram-se de noite, após as 21 ou 21.30 horas.

O 2º Congresso Feminista foi organizado pelo Conselho Nacional de Mulheres Portuguesas, movimento que conseguiu sobreviver após a queda da Primeira República. Era presidido na altura pela médica Adelaide Cabete.

Já sopravam os ventos do Estado Novo que empurravam as mulheres para fora da vida pública. Adivinha-se, por isso, que não deve ter sido fácil a cedência dum espaço digno. Conseguiram finalmente o Salão da Associação de Lojistas de Lisboa, sito na Avenida da Liberdade.

Para conseguirem chamar a atenção da imprensa e do público, o CNMP teve de pedir apoios a outras organizações no âmbito da cultura ou da intervenção na sociedade. Assim, receberam a adesão da Universidade Livre, Universidade Popular Portuguesa, Liga da Acção Educativa, Liga Portuguesa Abolicionista, grémios "Humanidade", "Acácia", "Liberdade" e "Seara da Luz". Percebe-se que esses apoios tiveram um preço. Por um lado, vemos homens dirigentes dessas organizações a presidir à mesa de trabalhos, em certos dias. Por outro, há indícios de ruptura entre as activistas. Ana de Castro Osório, por exemplo, é notícia nesse mês de realizar conferências em Lisboa, mas não é mencionada como fazendo parte do Congresso. A fuga foi convidarem uma feminista estrangeira de renome, o que lhes deve ter ficado caro, para presidir à abertura. Naturalmente, dados os ventos da História, não tiveram no dia 24 de Junho nenhuma autoridade ou representante oficial do governo de então, ao contrário do que aconteceu em 1924.

O 2º Congresso Feminista e da Educação teve cerca de 50 congressistas inscritos.

 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
tit_todosdosiers.png
© 2019 Esquerda.Net
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.