Pela instituição de tribunais de trabalho arbitrais paritários
24-Abr-2009
Justiça tristeA Instituição de tribunais de trabalho arbitrais paritários, segundo o modelo francês dos "conseils de prud'hommes" representariam um avanço importante na defesa efectiva e quotidiana dos direitos dos trabalhadores, que, como é sabido, são sistematicamente espezinhados.
Contributo de Mário Leston Bandeira, Professor Catedrático do Departamento de Sociologia/ISCTE